Diversas mudanças fisiológicas acontecem no corpo da mulher durante o ciclo menstrual. Cada etapa é caracterizada por alterações dos níveis hormonais.

O ciclo menstrual corresponde ao conjunto de modificações fisiológicas que acontecem ciclicamente no corpo da mulher, preparando o organismo feminino para uma possível gravidez.1,2

A duração do ciclo menstrual corresponde ao período que marca o primeiro dia da menstruação até o dia anterior à menstruação seguinte, correspondendo, em média, a 28 dias.1,3,4

Ciclos regulares mais longos ou mais curtos, de 24 a 38 dias, podem acontecer e estão na normalidade.5

O importante é buscar um ginecologista logo após a primeira menstruação, para serem esclarecidas dúvidas e comportamentos específicos de cada organismo.1,2 

As meninas podem começar a menstruar a partir dos 8 anos, mas a média é em torno dos 12. Os ciclos menstruais param de acontecer com o início da menopausa, aproximadamente, entre 45 e 55 anos.1-,6

Além disso, é possível que o fluxo menstrual sofra alterações ao longo da vida, influenciado por múltiplos fatores. Por isso, conhecer as fases do seu ciclo é fundamental para perceber possíveis alterações.

Conheça todas as fases do seu ciclo menstrual!

Cada etapa é desencadeada pelo aumento ou redução de hormônios que são produzidos e liberados no organismo. São eles que definem quais são as mudanças internas e externas no corpo da mulher.1-3

Menstruação

Normalmente, tem duração do primeiro ao quinto dia do ciclo menstrual, nas mulheres com ciclos de 28 dias. Quando não acontece a fecundação entre óvulo e espermatozoide, ocorre a descamação do endométrio, que é expelido pela vagina. A maioria das mulheres sangra de três a cinco dias, mas um período entre dois até sete dias ainda é considerado normal.3

Fase folicular

Na maioria das vezes, ocorre do sexto ao décimo quarto dia. Durante esse período, há o aumento do nível de estrogênio no organismo, causando crescimento e espessamento do endométrio.3

Além disso, os folículos presentes nos ovários crescem, impulsionados pelo hormônio folículo estimulante (FHS). Assim, entre os dias 10 e 14 do ciclo menstrual, um dos folículos em desenvolvimento formará um óvulo totalmente maduro, ou seja, pronto para iniciar a próxima fase: a ovulação.1,3

Ovulação

Ocorre, aproximadamente, por volta do décimo quarto dia do ciclo menstrual. Há um aumento repentino do hormônio luteinizante (LH), responsável pela liberação do óvulo. Após liberado, o óvulo percorre as tubas até chegar no útero.3

É por volta dessa fase que ocorre o período fértil, onde há maior probabilidade de a mulher engravidar. A data aproximada da ovulação e o período fértil é variável de acordo com a duração do ciclo de cada mulher, por isso se recomenda a orientação do ginecologista sobre esse tema.2,3

Fase lútea

Esse período é marcado entre o 15° e o 28° dia. O nível do hormônio progesterona aumenta para ajudar a preparar o revestimento uterino interno, chamado de endométrio, para a gravidez. Se o óvulo for fertilizado por um espermatozoide e se fixar no endométrio, a mulher engravida. Caso não ocorra a gestação, os níveis de estrogênio e progesterona caem e o endométrio é eliminado novamente, dando início a um novo ciclo menstrual.2,3

Resumo de todas as fases Juntando cada uma das fases do ciclo menstrual, o calendário é iniciado no primeiro dia de menstruação. Em resumo, temos: sangramento (dia 1 ao dia 5); fase folicular (dia 6 ao dia 14); ovulação (dia 14) e fase lútea (dia 15 ao dia 28). A ilustração abaixo exemplifica um ciclo de 28 dias, com 5 dias de sangramento, o que não é aplicável a todos os ciclos e nem representa todas as mulheres. O ideal é que a mulher converse com seu ginecologista para entender como funciona o seu ciclo.1-3

ilustração hipotética do ciclo menstrual

Dicas importantes para monitorar seu ciclo menstrual

Para conhecer um pouco mais do seu organismo e como seu ciclo menstrual acontece, o importante é monitorar e rastrear possíveis desequilíbrios. Sabemos que cada corpo se desenvolve da sua maneira e, muitas vezes, possui características fisiológicas específicas. Por isso, faça anotações, como:

  • sangramento anormal;
  • se teve episódios de dor;
  • intensidade do seu fluxo menstrual;
  • quantos dias dura a sua menstruação;
  • mudanças de humor ou comportamento.1,3,4

Lembre-se, somente um ginecologista poderá diagnosticar alguma alteração no ciclo menstrual e indicar possíveis tratamentos.

Além disso, as alterações hormonais que ocorrem durante o ciclo menstrual podem influenciar o humor e a saúde mental. Geralmente, os sintomas físicos e psicológicos são leves e toleráveis, não sendo prejudiciais para as atividades cotididanas. Entretanto, algumas mulheres podem apresentar alterações mais intensas, como é o caso da TPM e do Transtorno Disfórico Pré-Menstrual (TDPM).7

Os sintomas físicos e psicológicos mais comuns incluem:

  • insônia.
  • ansiedade;
  • irritabilidade;
  • sensibilidade;
  • dor de cabeça;
  • dor nas mamas;
  • dores musculares;
  • conflitos interpessoais.7

Caso tenha percebido qualquer alteração, converse com o seu médico e entenda o seu ciclo menstrual. Pratique o autocuidado e conheça o seu corpo!

Referências

1. MAYO CLINIC (EUA). Menstrual cycle: What’s normal, what’s not. 2021. Disponível em: https://www.mayoclinic.org/healthy-lifestyle/womens-health/in-depth/menstrual-cycle/art-20047186. Acesso em: 22 set. 2021.
2. NATIONAL HEALTH SERVICE – NHS. https://www.nhs.uk/conditions/periods/fertility-in-the-menstrual-cycle/. 2019. Disponível em: https://www.nhs.uk/conditions/periods/fertility-in-the-menstrual-cycle/. Acesso em: 23 set. 2021.
3. CLEVELAND CLINIC (Eua). Normal Menstruation. 2019. Disponível em: https://my.clevelandclinic.org/health/articles/10132-normal-menstruation. Acesso em: 22 set. 2021.
4. FEBRASGO (Brasil). Será que minha menstruação é normal? Saiba mais… Disponível em: febrasgo.org.br/images/pec/WEB_SUA-Febrasgo-paciente.pdf. Acesso em: 22 set. 2021.
5. MUNRO, M. G.; CRITCHLEY, H. O. D.; FRASER, I. S. FIGO Menstrual Disorders Committee: The two FIGO systems for normal and abnormal uterine bleeding symptoms and classification of causes of abnormal uterine bleeding in the reproductive years: 2018 revisions. Int J Gynaecol Obstet, v. 143, n. 3, p. 393-408, 2018. Disponível em: https://obgyn.onlinelibrary.wiley.com/doi/epdf/10.1002/ijgo.12666. Acesso em: 06 out. 2021.
6. NATIONAL HEALTH SERVICE. Menopause: overview. 2018. NHS. Disponível em: https://www.nhs.uk/conditions/menopause/. Acesso em: 19 out. 2021.
7. MACHADO, Paola. Entenda a relação entre ciclo menstrual e mudanças de humor. UOL. Disponível em: https://www.uol.com.br/vivabem/colunas/paola-machado/2021/08/17/ritmo-infradiano.htm. Acesso em: 17 nov. 2021.

M-N/A-BR-09-21-0040 – APROVADO EM OUTUBRO/2021